top of page

Sustentabilidade física e emocional: O ano no autocuidado

Mais uma edição do ELAS&TAL no ar e a pauta dessa semana Sustentabilidade física e emocional: o ano do autocuidado.

Afinal de contas e haja sustentabilidade emocional para lidar com tanta notícia trágica nas primeiras semanas de 2022.


E se há uma palavra que deverá ser cada vez mais incorporada ao dicionário e à rotina de cada um de nós nessa transição pós pandemia, ela é autocuidado.

imagem ilustrativa

Os sete pilares do autocuidado definidos pela OMS têm tudo para saltar em relevância, apesar dos desafios para a adesão no dia a dia.

Isso passa pela busca de informações confiáveis e pela criação de bons hábitos de higiene, algo muito disseminados no cenário atual.

E continua valendo para os outros cinco princípios do autocuidado: praticar atividade física regularmente; manter uma alimentação balanceada; restringir comportamentos nocivos, como tabagismo e abuso de bebida alcoólica; conhecer o próprio corpo e prestar atenção em sinais estranhos; e utilizar remédios e outros produtos, como nutracêuticos por exemplo, de forma responsável e consciente.


Você conhece os alimentos Nutracêuticos?

Se não nos te contamos que NUTRACÊUTICOS SÃO ALIMENTOS FUNCIONAIS QUE NUTREM E PROMOVEM SAÚDE.


Opa! Como assim? Pode isso?

Sim pode demais e quem nos contou foi a Helena Lee.

Mestre em administração de empresase longa experiência no desenvolvimento de produtos e serviços; além de 15 anos de carreira como consultora de desenvolvimentos de produtos e serviços na indústria de alimentos e bebidas e hoje está à frente da Nutraceuticos AOW.

Convidada Helena Lee

O que são os nutracêuticos?

Conforme a Foundation for Innovation Medicine organização americana que incentiva a saúde médica estes são alimentos ou parte destes que apresentam benefícios à saúde, incluindo a prevenção e/ou tratamento de doenças.

Podem abranger desde os nutrientes isolados, suplementos dietéticos até produtos projetadose alimentos processados.


Já os alimentos funcionais oferecem benefícios à saúde, além de suas funções nutricionais básicas. Eles podem, por exemplo, reduzir o risco de doenças crônicas degenerativas, como câncer e diabetes, entre outras, essa

Alguns dos nutracêuticos mais comuns são o ômega-3, licopeno, resveratrol, fitoesterois, probióticos, vitaminas, minerais e as fibras e colágenos.


Já está pensando em incluir os nutriceuticos no seu dia a dia?

Nos também e se você consultar seu médico ou a opinião de um profissional da área, vai descobrir assim como nos, que inúmeros resultados poderão ser otimizados como por exemplo: balancear e equilibrar uma alimentação desregrada.


Para quem já está com ela balanceada, pratica uma dieta e tem uma rotina de exercícios, os resultados são ainda mais nítidos.


Além disso falamos sobre aODS 3 (que faz parte dos 17 objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU) que é “assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades” e o papel do nutraceutico em um cenário pós pandemia interligado a busca do autocuidadoe os 5 pilares da medicina preventiva:

Boa alimentação

Exercícios Físicos

Qualidade do Sono

Gerenciamento de Estresse

Suplementação


Tudo isso está traz uma tendencia de mudança de comportamento em cada um de nós, seja decorrente da fadiga, stress, pandemia e de outros mil fatores desencadeados nos últimos dois anos.


A sustentabilidade passou a ser fator determinante nas decisões estratégicas das empresas.

Cada vez mais e, impulsionada pelas boas práticas ESG e pelo consumidor consciente, as empresas incentivam e apoiam projetos e atividades sustentáveis, que promovem o bem-estar de todos.


Estimular as pessoas a optarem por alimentos saudáveis e sustentáveis, além de despertar o gosto daqueles que ainda não o apreciam é um grande desafio.


Hoje cada vez mais estamos buscando tratamentos menos agressivos e mais saudáveis e com isso os nutracêuticos entram cada vez mais com força no mercado, embora o uso tenha uma longa história.


Os produtos alimentares e suplementos nutracêuticos, por via de seus efeitos benéficos, passaram a ser foco da atenção das comunidades formadores de opiniões científicas e leigas.


Cada vez mais necessitamos de estudos para embasarem isso e de empresas sérias que fazem com que esse mercado cresça cada vez mais, por isso vejo como uma grande tendência nos próximos anos o crescimento cada vez mais dos nutracêuticos.


Gostou?

Vem circular com a gente.


Por Sâmara Merrighi

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page